O discurso muda segundo o protagonista

Uma coisa que me irrita bastante é o julgamento das atitudes dependendo do personagem envolvido. Por exemplo, o golaço que Marta fez ontem pelo Santos, na preliminar do San-São, contra as meninas do Juventus.

A camisa 10 partiu pra cima, passou por quatro jogadoras, driblou a goleira e balançou a rede. Detalhe: com o gol aberto, sem absolutamente ninguém na frente, Marta fez uma graça e bateu de letra.

Todos comemoraram e viram com gosto esse bonito lance com esse belo e habilidoso final. Mas e se fosse Neymar? Será que não iriam chamá-lo de ‘moleque’, ‘irresponsável’ e cravar sua atitude como ‘humilhar o adversário’?

Lembram o que Túlio fez certa vez no Botafogo? Parou na linha do gol, levantou a bola e estufou a rede de calcanhar. Lembram como o camisa 7 do Fogão foi crucificado pela atitude?

Em 1999, quando Raí acertou o joelho de Dida após perder sua segunda cobrança de pênalti naquela partida de semifinal de Brasileirão contra o Corinthians, ninguém questionou se aquilo tinha sido proposital. E se o protagonista do lance fosse Edmundo ou Kleber Gladiador? A atitude não seria tratada como proposital?

Não quero entrar no mérito do ‘certo’ ou ‘errado’ dentro das quatro linhas, pois essa é uma outra história. Só quero cobrar sempre o mesmo tratamento independentemente do personagem da jogada.

Quem criticou Túlio em meados dos anos 1990, que critique a Rainha Marta hoje, mesmo ela sendo a melhor jogadora de futebol do planeta.

VEJA AQUI O GOL DE MARTA CONTRA O JUVENTUS

Imagem: reprodução

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: