Brasil 5×1 Tanzânia

Pontos positivos:

– Por incrível que pareça o ataque da Tanzânia foi um bom teste para os reflexos do goleiro Gomes. O substituto imediato de Júlio César foi exigido muitas vezes durante a partida e fez, no mínimo, cinco boas defesas.

– Robinho fez dois gols e mostrou que está “ligado”. A transferência para o Santos fez bem para o atacante que, diferentemente dos jogadores europeus, está no meio da temporada.

– Kaká está realmente melhorando. Ele se movimentou bem, pediu mais jogo e até apareceu para fazer um gol de peito (o quarto). Acredito que nas oitavas ele estará “na ponta dos cascos”.

– A dupla de volantes reserva, Josué e Ramires, melhorou a saída de jogo do Brasil no segundo tempo. Ramires marcou dois gols. O passe para o primeiro foi de Josué.

Pontos negativos:

– Depois de não marcar gols contra o Zimbábue, Luis Fabiano passou em branco novamente contra a Tanzânia. Sei que não quer dizer muita coisa, mas jejum de gols sempre incomoda “matadores” como ele.

– A sempre tão exaltada defesa tem mostrado alguns pontos fracos, principalmente contra jogadores velozes. Espero que Lúcio e companhia estejam apenas “relaxados” para evitar contusão.

– A violência de alguns jogadores do Brasil é preocupante. Felipe Melo deu alguns arriscados carrinhos no amistoso de hoje e Daniel Alves revidou com um pontapé uma entrada mais dura do adversário. Olho neles!

– A dupla de volantes titular do Brasil, Gilberto Silva e Felipe Melo, não foi bem. Errou muitos passes e teve dificuldade na saída de bola.

Foto: AFP

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: